• Brasil
  • Ingles
  • Alemanha
  • França
  • França
  • Itália

Blog

Um pouco da história de Urubici

08/09/2020 - Blog

A maior parte do território brasileiro foi habitada inicialmente por índios da tribo Xokleng, o município de Urubici também teve a presença dos mesmos, onde há existência de inúmeros sítios arqueológicos espalhados pelo município que são registros da existência destes povos, que foram sendo dizimados com a chegada dos colonizadores.

Inicialmente a colonização ocorreu na região chamada de campos de cima da Serra, que foi feita com bandeirantes paulistas. A região era parada de tropeiros que transportavam o gado bovino e muares para Sorocaba/SP e para Minas Gerais (ainda é possível encontrar os corredores de taipas para conduzir as tropas em alguns lugares do município). Com a vinda dos Bandeirantes surgiram as primeiras fazendas da região.

Nas fazendas, os homens dedicavam-se as lidas do campo, onde praticavam a pecuária extensiva aproveitando as pastagens dos campos nativos, faziam a doma de cavalos chucros, tosavam as ovelhas para retirar lã, na qual transformavam em matéria-prima para confecção de ponchos, casacos, mantos e cobertas para suportar os dias de inverno. As mulheres se dedicavam aos cuidados da família (que não eram poucos): fazer o queijo, cozinhar, costurar, fazer bolos e pães, lavar roupas nos riachos, educar as crianças e muito mais.

No Final do século 18 começaram a subir a Serra os descendentes de italianos e alemães que foram se fixando principalmente no vale do Rio Canoas, dedicaram-se ao cultivo de cereais (trigo, aveia e milho). Nesta parte do município predominaram as pequenas propriedades baseada na agricultura familiar, a fertilidade do solo as margens do canoas possibilitou com o tempo produção de hortifrutigranjeiros, o que rendeu o título de terra das hortaliças. Atualmente, além da agricultura a região conta com avançada pecuária leiteira e também é reconhecida como destino turístico na Serra Catarinense, devido a sua natureza exuberante.

Portanto, os índios que aqui habitavam e os tropeiros deixaram suas marcas, que ainda podem ser vistas em alguns prontos da cidade. A colonização dos bandeirantes paulistas trouxe a tradição do homem do campo e a mulher com cuidados do lar e da família. E a utilização do vale do Rio Canoas, propício para agricultura ficou ainda mais valorizada com colonização de alemães e italianos.

Galeria

loading...
carregando